Rinaldo Luiz Caraciolo Ferreira

Nasceu em Recife em 28 de julho de 1961, filho de Rinaldo Cardoso Ferreira e Maria do Monte Sinai Caraciolo Ferreira. Concluiu o ensino fundamental no Colégio de Aplicação Padre Abranches (1975) e o ensino médio na Escola Técnica Federal de Pernambuco (1979), tendo ingressado no curso de Engenharia Florestal da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) em 1980, concluindo em 1983. Desde 1984, é professor do Departamento de Ciência Florestal da UFRPE, atuando na área de Manejo Florestal.

Realizou mestrado na Universidade Federal de Viçosa (UFV), concluindo em 1988, com a dissertação sobre Manejo da Caatinga, a qual foi orientada pelo Prof. Antônio Bartolomeu do Vale. Em 1988 e 1990 foi pai, com o nascimento de Rodrigo e Heitor. Em 1996 casou-se com Prof. Mércia Santos e em 1999, nasceu sua filha Paula. Em 1997, concluiu o doutorado na Universidade Federal de Viçosa, com tese sobre Manejo de Floresta Estacional.

É Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais da UFRPE desde junho de 2019. Foi Editor da Revista Brasileira de Ciências Agrárias (2009-2013), Coordenador do Curso de Graduação em Engenharia Florestal (1989-1990), Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais (2002-2004; 2013-2015), Pró-Reitor de Planejamento da UFRPE (2004-2008).

Em 2008, realizou treinamento de pós-doutorado na Universidade de Córdoba (UCO), Espanha. Em 2011, foi Professor Visitante da UCO. Desde 2003, é bolsista de produtividade do CNPq. Desde 2017, é membro do Comitê de Assessoramento em Recursos Florestais do CNPq. Em 2014, progrediu para classe de Professor Titular do Departamento de Ciências Florestais da UFRPE.

Realizou algumas missões de trabalho no exterior e coordenou projetos de pesquisa e extensão. Publicou 177 artigos em revistas científicas nacionais e internacionais, capítulos de livros, bem como resumos e documentos técnicos. Atua na formação de profissionais de graduação em Engenharia Florestal, bem como na formação de mestres e doutores em Ciências Florestais.

http://lattes.cnpq.br/8002371435811689

Patrono

Prof. Sérgio Tavares

Nasceu em 30 de junho de 1931. Graduado em Agronomia pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) em 1954. Foi Professor da UFRPE, na Graduação e na Especialização, nas disciplinas de Botânica Agrícola e Dendrologia (1955 e 1980).

Na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), durante 1955 e 1990, foi Professor no curso de Engenharia Civil; desenvolveu pesquisas em Dendrocronologia Palinologia, Paleontologia, Paleoclima e sobre Madeiras do Nordeste do Brasil. Entre os anos de 1972 e 2005, foi Professor da Universidade Católica de Pernambuco, onde ministrou Biogeografia e Botânica, desenvolveu pesquisas com destaque para Dendrocronologia e Paleoclima e levantamentos e catalogação da Flora Lenhosa do Nordeste do Brasil.

No Complexo Industrial Portuário de Suape, entre 1980 e 1995, foi Chefe de Departamento de Meio Ambiente. Na Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), foi Assessor e Coordenador do Planejamento Regional de desenvolvimento da Amazônia, entre 1974 e 1975. Na Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), foi consultor para problemas florestais do Projeto de Povoamento do Alto Turí-MA (1960 a 1964); de 1964 a 1974 foi Supervisor de pesquisas da Divisão de Botânica Econômica, destacando-se trabalhos para o Nordeste do Brasil, tais como: Inventário Florestal, Herborização e Identificação de Espécies Botânicas de Valor Econômico, Ampliação de Coleções de Madeiras, Viabilidade do Reflorestamento e de Utilização de Novas Matérias Primas Vegetais.

No Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP), foi Agrônomo Pesquisador (1954 a 1964), tendo atuado na Identificação de Madeiras do Nordeste. No Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), entre os anos de 1954 e 1964, também foi Agrônomo Pesquisador, com pesquisas nas áreas de Anatomia Vegetal e de Madeira.

Em 1974, descreveu a espécie Acacia tavaresorum. Em 1999, recebeu o Prêmio Vasconcelos Sobrinho, da Companhia Pernambucana do Meio Ambiente (CPRH). Dedicou toda sua vida profissional à área de Ecologia, com ênfase em Ecologia Aplicada ao Manejo Sustentável de Florestas Nativas. Faleceu em 04 de junho de 2016.