6º Webinário: Academia Pernambucana de Ciências homenageia Celso Furtado no Centenário do seu nascimento

Celso Furtado foi homenageado pela APC com um seminário realizado via web em 26 de julho, data do seu nascimento em 1920. 

O seminário, que teve como tema geral Brasil: Desafios contemporâneos e legados de Celso Furtado, abordado sob diferentes visões por quatro palestrantes, foi coordenado pela Acadêmica Profa Tânia Bacelar. O Presidente da Academia, Prof. José Aleixo fez a abertura do evento.

A Profa Tânia fez uma introdução sobre o legado de Celso Furtado, estabelecendo o elo central entre a multidimensionalidade da visão de Furtado e a abordagem das Ciências. Realçou seu importante papel no desenvolvimento do Nordeste, e do Brasil, mencionando relevantes contribuições: a criação do Nordeste em sua configuração geográfica atual incluindo a Bahia e o Maranhão,  a sua proposta transformadora de fazer da região um centro de expansão manufatureira e a concepção da Sudene com um Conselho Deliberativo constituindo uma instância política de diálogo federativo. Na sequência, os palestrantes convidados falaram sobre o legado de Celso Furtado nos temas específicos:

  • Desafio de consolidar o Brasil como nação foi o tema da palestra proferida pelo Prof. Luíz Felipe de Alencastro, professor titular da Escola de Economia de São Paulo, Fundação Getúlio Vargas.
  • Desafio do engate na nova era tecnológica, abordado pela Profa. Ana Cristina Fernandes, Professora Titular e Pesquisadora em Geografia Econômica da UFPE
  • Desafio da valorização da educação e da cultura, palestra do Prof. Marcos Formiga, professor pesquisador do Laboratório de Estudos do Futuro da UnB, ex-Superintendente da SUDENE
  • Desafio do enfrentamento do limite ecológico, tema apresentado pelo Prof. Clóvis Cavalcanti, Presidente de Honra da Sociedade Brasileira de Economia Ecológica (EcoEco) e Membro da Academia Pernambucana de Ciência.

No encerramento, a homenagem teve um importante depoimento de Rosa Freire D’Aguiar, viúva de Celso Furtado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *